segunda-feira, 31 de março de 2008

S. Tomé, exemplo de sinceridade...


Muitas vezes queremos vender uma imagem de pureza em vez de admitirmos nossas fraquezas como o discípulo Tomé. Penso que Tomé foi muito corajoso ao dizer aos discípulos que não cria na ressurreição de Jesus, ao menos se O tocasse. Oito dias mais tarde estavam outra vez os discípulos dentro de casa e desta feita Tomé com eles, Jesus apareceu no meio deles. Claro que o regozijo invadiu o coração de todos ali, porém o Senhor viera com um propósito definido e logo após a saudação entrou e dirigiu-se a Tomé. É indubitável que Tomé olhou directamente as cicatrizes dos cravos e da lança, e com muita certeza do que viu proferiu a sua grande confissão de fé: “Meu Senhor e meu Deus!”
Nós Jovens podemos dizer o que sentimos ou o que não sentimos, mas tenho a plena certeza que nunca seremos condenados por sermos sinceros como Tomé.
Saudações atentas…

2 comentários:

Ana Patrícia disse...

"Meu Senhor e meu Deus"....S.Tomé acima de tudo exemplo de reconhecimento, exemplo de que por mais que duvidemos a Verdade é só Uma: Jesus Cristo vivo e ressuscitado, ontem, hoje e sempre!

Beijinho sereno

Jovem Atento disse...

Obrigado pelas tuas palavras. Realmente Ele é mesmo exemplo vivo de reconhecimento. Só acrescento mais uma coisa a essa Verdade: Jesus Cristo vivo, Jovem e ressuscitado, ontem, hoje e sempre!
Saudações Atentas...